8 de ago de 2010

Pesquisa: um novo tratamento para linfangiomas



Um grupo de médicos cientistas, estão desenvolvendo um estudo com um conhecido antibiótico para o tratamento de linfangiomas e síndromes hemangiomatosas que envolvam surgimento de linfomas.

O Rapamycin, também conhecido como Sirolimus, é um conhecido agente com atividade antiproliferativa, usado para tratamentos de doenças cardionárias, tendo sido mostrado para retardar a progressão de células tumorais. O objetivo deste estudo é determinar se Rapamycin é seguro e eficaz em adultos e crianças com quadro de anomalias vasculares complexos..

Para este estudo, a equipe a Dra. Denise Adams tem solicitado pacientes de 0 a 31 anos, com anomalias vasculares com potencial para causar morbidade significativa ou que tenham síndromes hemangiomatosas, malformacão capilar linfatica, síndromes de supercrescimento com anomalia vascular, entre outras.

Mais informações poderão ser vistas no site do projeto em http://migre.me/13haw.

23 comentários:

  1. Bom dia, tenho um bebe que nasceu com linfangioma no pescoço e debaixo do braço,ele tem feito tratamento com o medicamento triancil ou theracort, esses são medicamentos mais aconselháveis para a diminuição do linfangioma, gostaria de explicaçoes e se possivel um tratamento mais eficaz com diminuiçao rapida, ele 8 meses.meu email é karinaelucio@hotmail.com.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Karina meu nome é esterfane minha filha tem linfagioma cervical estamos fazendo exclerosacao com ok432 . Esterfaneoliver@gmail.com

      Excluir
  2. Boa noite

    Á cerca de 1 ano, durante uma intervenção cirúrgica a um suposto quisto no ovário esquerdo, foi-me detectado um linfangioma retroperitoneal com cerca de 2cm x 6cm. Um ano depois repeti o exame de rotina e o linfangioma já se encontrava com 6cm x 11cm. A única alternativa de tratamento que o médico de cirúrgia geral me indicou é a remoção total do linfangioma através de laparotomia cirurgica.
    Gostava de saber se têm conhecimento de alguma outra forma de tratamento para o meu caso.
    Agradecia contacto para o meu mail: madalenaloureiro@hotmail.com

    ResponderExcluir
  3. Tenho linfaedema nas pernas e
    linfangiomas escrotal.
    Tem como remove-los?
    me informe pelo e-mail
    (ademir.f.silva@hotmail.com)
    Aguardo contato.
    Grato....

    ResponderExcluir
  4. quero saber se existe tratamento gratuito para linfangioma, pois tenho um bb de 3 meses com essa doença e preciso urgentemente de ajuda.obrigada.

    ResponderExcluir
  5. boa tarde!!! tenho uma filha com linfagioma cistico crevical na carotida... ela fez o uso do ok-432 em 2009 o resultado foi bom diminuiu bastante..mas a um mes voltou a crescer e ela chega a fazer traquiostomia pois o tumor tampa toda respiraçao..... preciso muito de ajuda....

    emerson_esterfane@hotmail.com

    ResponderExcluir
  6. tenho uma bebe de 11 meses que tem linfongima no pescoso faz tratamento com biomicina gostariaminha de saber se tem cura ou se minha filha vai comviver senpre com isso

    ResponderExcluir
  7. Silvana,

    Eh difícil falar sobre cura, mas tudo depende do diagnóstico dado pelos médicos e o tratamento indicado para o caso. Um dos hospitais referências no Brasil e' o AC Camargo, mas trata-se de um hospital particular. Outro hospital que também e' referência, o HC São Paulo. Como se trata de linfangioma, acho que seria interessante dar uma pesquisada no tratamento com o Picibanil OK-432. Acredito que em breve estará disponível no HC.

    Boa sorte no tratamento e sempre tenha fé que tudo dará certo!

    ResponderExcluir
  8. para quem não sabe o hospital das clinicas em riberão preto trata de pacientes com linfangioma usando o ok -432 sou paciente do hc faço uso do ok e eles tem um programa que atende pacientes pelo sistema sus. vale a pena se informar. e tudo vai sair bem só não perca as esperanças nunca.

    ResponderExcluir
  9. Olá sou portador de Linfangioma na Perna Direita, Tenho 10 Anos com esse Problema so que veio se Agravar agora a perna esta Muito Enchada,Moro em Salvador-Ba a mais de 20 anos.
    Não Encontrei nenhum Hospital que Trate desse Problema,ja fui ate pra o Rio de Janeiro tow aqui a 1 mes e ainda ñ encontrei Hospital.
    Quero muito Entrar em Contato com o Sr. se poder.
    Tenho Exames que compravam o Linfedema vou passar aqui o meu Email ( cleberbatistarj@gmail.com )
    Mando Exames via Email pra o Sr. se tiver interesse de velos...
    Agradeço desde Já.
    Boa Noite...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estou fazendo um tratamento em BH, e obtive ótimos resultados.
      Meu tumor regrediu totalmente.
      Ele tinha 12 centímetros.
      Se quiser pode fazer contato comigo.
      Carlosrt@hotmail.com

      Excluir
  10. Valério, sou mãe de um menino de 3 anos, com Linfangioma. Eme usou bleomicina fazem 2 anos e o tumor regrediu, mas voltou a crescer agora. Moro em Pernambuco. Você sabe de algum médico por aqui ou na Paraíba que trabalhe com esta doença? grata kelly_emanuelly@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  11. Olá, sou mãe de um bebê de 1 mês de vida e ele nasceu com linfangioma no pescoço,começou a fazer tratamento com uma medicação chamada sildenafila ( mais conhecida como viagra ),a medica que está o atendendo explicou que o tratamento é lento e ele terá que usar a medicação por pelo 5 meses,está fazendo o trtamento no hospital da criança aqui em Brasília.Gostária de saber se você conhece alguém que conseguiu se tratar fazendo uso dessa medicação e se realmente é eficaz?não que eu esteja duvidando do tratamento do meu filho,muito pelo contrario, e que eu nunca ouvi relatos de cura com essa medicação e talvez alguém me dando uma segunda opinião eu consiga ficar mais tranquila.Desde já muito grata!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI Cidinha, tbm me apresentaram esta opção de tratamento, no seu caso deu certo? Foi bom?

      Excluir
  12. Dr. Valério Alex, minha mãe tem linfangioma cerca de 15 a 20 anos atras ela teve esse tumor na região do pescoço na lateral fez a cirurgia e fico com grades cequelas, e agora volto a cresce também na região do meio do pescoço o médico falo que ela vai ter que fazer a cirurgia novamente.Hoje minha mãe tem 42anos e Gostaria de saber se tem como ela fazer o uso do Ok-432 pois a cirurgia e em um local bem delicado. Moramos em MG, Belo horizonte tem algum hospital aqui que possa ta fazendo esse tipo de tratamento. Obrigada! thamara33i@hotmail.com

    ResponderExcluir
  13. Karina e Lucio, minha mãe com 40 anos teve gêmeas, duas meninas que nasceram em 06/10/2008, uma sem nada mais a outra com Linfangioma, Imangioma e elefantíase, elas no momento estão com 5 anos e estão bem, a que tem Linfangioma tem a imunidade baixa e sempre fica doente mais depois fica bem, ela já fez varias cirurgias, nas costas, pescoço e em baixo do braço. Não sei o nome do remédio que eles aplicam nela mais funciona, demora um pouco ela sofre mais depois ele some, ela faz tratamento com um bom medico um dos melhores aqui de Florianópolis pelo SUS. Espero que encontrem essa cura pois é muito sofrimento para as crianças que tem que passar por isso.

    ResponderExcluir
  14. tenho um irmao que se chama carlos eduardo hoje ele tem sete anos ele tem linfagioma no olho direito.ele faz cirurgias pelo hc em sao paulo queria saber se o linfagioma tem cura e se depois de removido ele pode voltar a crescer e mail pra contato carolzitah.fogo@hotmail.com

    ResponderExcluir
  15. Dr. Valério Alex. No ano de 2007 descobri um linfangioma no pescoço e desde então já passei por seis cirurgias. Após um ano que fiz a ultima cirurgia, vou ter que passar por mais uma, pois cresceu novamente. Qual sugestão vc me indicaria para um novo tratamento sem que seja preciso de toda vez ter que ficar fazendor cirurgia. Preciso muito de ajuda, pois não sei mais o que fazer. Hoje tenho 34 anos. Responda pelo meu email biasamaral@hotmail.com Obrigada

    ResponderExcluir
  16. Olá, tenho diagnóstico de linfangioma intramuscular desde 2008, mas meu problema já tem há mais de 12 anos! Tenho 1 na perna direita na lateral do joelho, este é mais antigo e esta regredindo e não sinto mais dores nem inflama mais, o outro que tenho na nádega direita há 6 anos e o tamanho esta igual mas ainda sinto fortes dores e tenho febres! Sou de Curitiba e fiquei anos para descobrir o que tinha... Em 2008 descobrimos a Dra Heloísa Campos em SP, e foi ela que descobriu o que era, mas na época não me foi indicado nenhum tratamento pois como é interno e as dimensões razoavelmente grandes, não é possível remover! Este mês esta complicado pois voltou a inflamar, e as pernas incharam, tenho febre local e dores muito fortes! Tenho também linfangioma cavernoso dentro de algumas vértebras, mas tb não tem o que fazer, mas como não esta pressionando a medula não há maiores complicações! A dureza é que mesmo sabendo que são tumores nos vasos linfáticos ou má formações nos vasos linfáticos, a gente fica sempre com medo de maiores complicações! Força para todos! Abraços, Rafaela
    meu email para contato é arq.rts@hotmail.com

    ResponderExcluir
  17. Procuro medicos na região sul que utilizem o ok432, pois meu bebê apresentou um na perna direita e o tratamento com sildenafil não está mostrando bons resultados.

    ResponderExcluir
  18. Informações www.casosdelinfangioma.com.br

    ResponderExcluir
  19. Informações www.casosdelinfangioma.com.br

    ResponderExcluir